Coloração Natural

Olá tudo beleza, tudo lindo? Então, tome este podcast e fique mais bonita. Começado o episódio 41 do pílulas de beleza! Aqui quem escreve é Fabiana Murray e hoje sobre a Coloração Natural.

Não é só de Henna que vive os Indianos. Existem uma infinidade de outros produtos e nesse episódio apenas darei uma pequena explicação sobre eles.

Antes disso eu quero deixar bem claro que esse tema eu tirei do site da Iara Henna. Ela vende todos esses produtos e vou deixar abaixo no post o link do site para quem quiser ler ou entrar em contato.

 

Índigo: O extrato natural de Índigo pode ser obtido a partir da fermentação das folhas de várias espécies de anileiras como por exemplo as do gênero Indigofera ssp., exemplares perenes nativos e/ou cultivados.

O índigo frequentemente é misturado a Henna para obter tons castanhos, e veja no blog da Iara mais sobre o índigo.

 

Red Kamala: Kumkum Tree ou Red Kamala foi usado para fazer tinta natural de cor vermelha nos tempos antigos. Povos indígenas utilizam este corante em pó em rituais sagrados. Tem sido utilizada em várias preparações medicinais Ayurveda. É purgante e ajuda em doenças relacionadas com a digestão. Tem propriedades antibacterianas e antifúngicas, e é útil no tratamento de doenças da pele e a cura de feridas. Ele ajuda na purificação do sangue e regula a circulação sanguínea. Tem propriedades anti-inflamatórias e ajuda a aliviar a dor nas articulações.

Tornou-se uma opção para as pessoas que querem tingir seu cabelos sem usar químicas.

Atenção: Tanto o Red kamala que é aquele tom vermelho tipo coloração 7.66 e a Henna que é tom cobre, para cabelos naturais do tom 1 ao 6 é necessário clarear com coloração do 8 ao 12 dependendo do quanto seu cabelo for escuro. A henna e o red Kamala só pega em bases bem claras.

Essas outras plantas é somente tratamento para cabelos, couro e pele, não influenciam a cor a não ser algumas no loiro natural.A Amla (Phyllanthus Emblicaé um fruto proveniente da Índia e possui uma elevada quantidade de antioxidantes, além de minerais, vitaminas, cálcio, fósforo, ferro e caroteno, e o pó de Amla é feito a partir da fruta seca.

O uso regular de Amla nutre, combate a caspa e dá volume aos fios (ótimo para quem tem cabelos finos como os meus), além de ser um excelente condicionador natural.

Importante ressaltar que o pó de Amla não tem pigmento e, portanto, não vai tingir o cabelo. Todavia, o uso muito freqüente pode escurecer os fios, porque ajuda no aumento da pigmentação mais escura do cabelo, então a recomendação é de uso com intervalo de, no mínimo, quinze dias.

Amla pode ser usado como um remédio para a perda de cabelo. Amla nutre o cabelo, tornando-o mais grosso e mais forte. Amla também proporciona brilho ao cabelo que é opaco e seco. Você também pode controlar condições como envelhecimento prematuro do ar com a ajuda de amla. Amla hidrata o couro cabeludo e também ajuda a no controle da caspa e outras questões relacionadas com o couro cabeludo.

 

Cassia Obovata tem uma atividade antibacteriana substancial na mesma ordem que a ampicilina para várias bactérias. Também apresenta propriedades antifúngicas, antiproliferativas e antioxidantes. Os médicos Árabes foram os primeiros a usar a cassia para fins medicinais, com seu uso datando desde o século IX a.C. na farmacopéia árabe.

Cassia tem altos níveis de antraquinonas e ácido crysophanic que é um  inibidor muito eficaz de fungos da pele, infestações de ácaros, doenças bacterianas. Na medicina ayurvédica por exemplo, a cassia é usada contra inflamações da pele e erupções cutâneas, herpes, psoríase, furúnculos, queimaduras, contusões, caspa, seborreia.

 

Neem é uma árvore indiana usada pelos indianos há mais de 2000 anos. Na Índia ainda é considerado até hoje, como uma “cura-tudo” ou uma “erva milagrosa” que pode curar a maioria das doenças.

Na antiga língua indiana do sânscrito é conhecido como “nimba”, que deriva da frase “nimbati swastyamdadati“, que significa “para dar boa saúde“.

Ela é usada para piolhos, sarnas e feridas, além de tratar a gengivite. Nos cbelos ela é usada como controle de frizz, queda de cabelo, caspa e seborreia.

 

Originário do Índia central, o Shikakai é uma alternativa natural e saudável aos shampoos industrializados que podem fazer mal ao organismo humano, além de poluir as águas. Amplamente utilizado na Índia, este fruto da árvore Acacia concinna é capaz de garantir inúmeros benefícios para o cabelo, além de fornecer um aspecto rejuvenescido e saudável.

Shikakai é mais conhecido pelo shampoo natural derivado de sua fruta.  Essa fruta se usa igual a casca de pó de Juá. Sefaz uma pasta e leva ao banho molhando os cabelos e aplicando a pasta no couro fazendo espumar. Ela também é bos para caspa e seborreia.

Se você gosta do Pílulas, doe para o padrim , pois 1 real por mês já nos ajuda muito!
Temos também o aplicativo picpay assinaturas que é a mesma coisa que o padrim, mas está na palma da sua mão no celular. O usuário é @pdebeleza. É só instalar no celular o aplicativo e usar! Tenho também o Picpay pessoal que é @fabianamurray

Dentro do Padrim e do Picpay, deixei uma recompensa para quem quer aconselhamentos sobre cabelos. Cada valor é um pacote. É só doar que ganha de acordo com valor feito.

O Pílulas precisa das suas críticas, sugestões e temas para episódios. Qualquer coisa. Só falar comigo no telegram pelo @fabianamurray., ou no grupo Belezuras do Pílulas que tem o link no post aqui embaixo. Tem o canal para divulgação de tudo sobre o site. Não se esqueça de conferir os vídeos do IGTV. Toda semana tem vídeo.

Caso queira dar alguma sugestão, comentário ou crítica achem o pílulas nas redes sociais.

E-Mail: pdebeleza01@gmail.com

Facebook: @pdebeleza Intagram: @pdebeleza

Twitter: @pdebeleza Pinterest: @pdebeleza

 

Beijos e muaaahhhhhhh!

FabianaMurray

Uma obra faraônica em construção. Host do Pílulas de Beleza e Blogueira do Rainha de Séries, Seriaholic, Humanas com Miçanga, Netflix sempre aberto nas séries, fã das mulheres mais empoderadas da telinha e das telonas e claro, sempre no mundo da lua!